Arqueólogos encontram selo de governador de Jerusalém e comprovam registros bíblicos
03/01/2018 - 9h58 em Curiosidades

Arqueólogos israelenses apresentaram nesta segunda-feira (1º) uma impressão de carimbo em argila de 2.700 anos que pertencia a um governador bíblico de Jerusalém.

O artefato apresenta inscrições em hebraico antigo, que dizem que o objeto é “pertencente ao governador da cidade”. O item foi provavelmente anexado a uma entrega ou enviado como lembrança em nome do governador, o cargo mais importante em Jerusalém na época, segundo a Autoridade de Antiguidades de Israel.

O carimbo, do tamanho de uma moeda pequena, representa dois homens em pé, de frente um para o outro de forma semelhante a um espelho e vestindo roupas listradas até os joelhos. Foi descoberto perto da praça do Muro das Lamentações em Jerusalém.


Carimbo em argila de 2.700 anos pertencia a um governador de Jerusalém. (Foto: Clara Amit/Autoridade de Antiguidades de Israel)

“Ele apoia a interpretação bíblica da existência de um governador da cidade de Jerusalém há 2.700 anos”, disse Shlomit Weksler-Bdolah, diretor das escavações pela Autoridade de Antiguidades de Israel.

Os governadores de Jerusalém, nomeados pelo rei, são mencionados duas vezes na Bíblia: no segundo livro de Reis, que se refere a Josué durante o reinado de Ezequias, e no segundo livro de Crônicas, que menciona Maaséias na postagem durante o reinado de Josias.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!